DESTAQUES

Postagens em Destaque

quarta-feira, 3 de março de 2021

VERDADES ABSOLUTAS CONTIDAS NO LIVRO UNIVERSO EM DESENCANTO


O DESEQUILÍBRIO E A INCONSCIÊNCIA 


A consciência do viril humano sofredor é uma consciência de miséria e de dores. Mas muitos se baseiam em dizer que: "-Fulano não tem consciência, se a tivesse não faria o que faz." Papagaios que aprenderam a falar em consciência, por verem os demais falarem, pensando que estão muito certos e fazendo um papel ridículo e vergonhoso para quem conhece a vida. 

Então, pergunta o infante: "-E como podemos deixar de ser assim tão desequilibrados em relação ao RACIONAL SUPERIOR?" Digo EU: é preciso ler muito e não pouco. Ler muito esta Escrituração Racional, para irem sendo imunizados integralmente. Aí então, essa vossa consciência falha de animal selvagem desaparece e fica a verdadeira, que é a Racional, consciência Racional, que costumam aí, no mundo, chamar sem saber. 

Existe o subconsciente e este é superior à consciência. Então diz: "-O subconsciente!" Mas a palavra é IMUNIZAÇÃO RACIONAL e sabem que na IMUNIZAÇÃO RACIONAL não há hierarquia; uma vez imunizados, são todos iguais. 

No subconsciente, há superioridade entre um e outro; e sendo a IMUNIZAÇÃO RACIONAL uma coisa natural, todos vão ser imunizados e todos passarão a ser iguais. Isto é uma advertência para quem pensa que a consciência é uma coisa sólida e perfeita e ao examinar as coisas, vê-se que de sólida não tem nada e de perfeita, muito menos.

Então, diz o infante: "-De que vale vivermos assim?" Respondo EU: não vale nada! Porque do nada surgiram, nada são e em nada se tornarão. Portanto, dão tanto valor a tudo que nada vale, por estarem embriagados, iludidos e traindo-se a si mesmos. 

A vida se resume numa rasura de descompreensão. E os viventes, na mesma hora em que estão se compreendendo, descompreendem-se. Quanto mais não seja, vivem compreendidos por uns tempos e depois ficam descompreendidos. Pela rasura da vida, pelos eflúvios dos epopérios, pelos crisântemos murmurantes, pelas grinaldas de fraudes criadas sem limites, que subjugam os seres a viverem assim, estupidamente. 

E assim, em todos os meios, tudo vive na pálida empafe e estúpida vida de cleopantomas. 

Cleopantoma quer dizer: criados com autoridade para chegarem à maior idade, sem terem o tirocínio das verdadeiras coisas, para poderem viver sem se aborrecer. Aonde existem os aborrecimentos, existe o atraso. Aonde existem os queixumes, está o atraso e o sofrimento. O que vale o vivente se aborrecer hoje, se amofinar tanto e daí a pouco estar alegre e contente? 

Quem se aborrece é um atrasado, é um cleopantoma. O vivente que aprende a não se aborrecer, é um vivente com muito equilíbrio Racional; e o vivente que por tudo se aborrece, é um desequilibrado, é uma fera, é um mal-educado com título de civilizado sem o ser. 

Portanto, o vivente inteligente, o rei dos sábios, não se aborrece nunca, por coisa alguma. O vivente medíocre se aborrece por tudo e sofre as conseqüências da sua mediocridade. O vivente que tem equilíbrio Racional, não dá importância ao medíocre, ao que este faz, ao que este diz; e sim, encara o medíocre como ele deve ser encarado.

Vejam, portanto, que o mundo está tão longe do equilíbrio Racional. E por isso, vivem como feras, em desentendimentos, sem saberem o que fazem, sem saberem que tudo isto não adianta nada. 

E assim, a consciência sempre desfavorecendo o vivente. Se fosse tudo profundamente dominado pela consciência, está visto, está claro, que não haveriam injustiças. Se existisse consciência, não haveria ganância, ambição nem traição. 

Onde está a consciência dos povos? Em lugar nenhum! Pois uns, querem ser melhores do que outros, mas todos são iguais. Não há consciência. Consciência existe apenas no nome para iludir os atrasados que não enxergam, pois se consciência existisse, amariam o próximo como a si mesmos. 

Portanto, a consciência do vivente é um arranjo dos fantasiados, dos Judas, para que, com estas cabalas, triunfem com seus modos desejados e vençam, assim, com as suas conveniências, os seus pontos desejados.

Onde está a consciência dos filósofos, das filosofias riquíssimas, possuidoras de inúmeras toneladas de ouro e brilhantes, e que não socorrem o pobre que morre na miséria e sem conforto?

Que é da consciência, afinal? Está provado que não existe, e quem fala em consciência, não sabe o que diz.

( Amarelão Racional Superior, Livro UNIVERSO EM DESENCANTO)



TRECHOS RACIONAIS! DETALHES MINUCIOSOS DA NATUREZA RACIONAL

TRECHOS RACIONAIS!  "A vida continuará nessa lama, até que todos estejam de posse da Escrituração Racional, para que todos imunizem-se....